site desenvolvido por anverso comunicação e : ) sites 

PÔSTER EIXO TEMÁTICO 2

Discurso, gênero, arte

Coordenação: Luciene Jung de Campos (UCS) e Ana Boff (UFSCPA)

Ementa: Esse eixo temático acolherá trabalhos que visam discutir outros dizeres sobre/para além do feminino e do masculino, na abordagem do preconceito, do sexismo, da diversidade, da homofobia. Na forma de tratar o cotidiano, acolhemos o poético capaz de produzir deslocamentos no discurso estabilizado, através de uma estética que chamamos arte e que legitima um lugar de fala. A arte inscreve uma outra posição, a de resistência. Tanto a Análise do Discurso como a Arte buscam apresentar a descontinuidade do senso comum, promovem o estranhamento dos processos de produção-reprodução-transformação que são acionados para interpelar o sujeito. Trata-se de uma descontinuidade de sentido que, por sua vez, convoca outras posições-sujeito.

Trabalhos:

Um papel para elas: a representação da mulher nos textos da imprensa feminina

Aguimario Pimentel Silva

Os mo(vi)mentos de identificação de sujeitos transgêneros no reconhecimento de si como homem / mulher

Anderson Lins Rodrigues

Corpo trans em (dis)curso:  entre a resistência e a des/estabilização de sentidos

André Cavalcante

A feminilidade a serviço do olhar masculino: performance de gênero, valores e falácias em comentários no Instagram de Nanda Costa

Andréa Mendonça Cunha

Entre o leque e a espada: uma análise discursiva de Mulan

Carlos Eduardo de Freitas Barbosa

Discurso feminino na música de Tati Quebra Barraco

Gilvan da Costa Santana

Wanna zig-a-zig, ah: Girl Power, o corpo e a sexualidade da mulher em canções da música pop

Kate Rayanny dos Anjos Bomfim

"Deixa Ela Trabalha": resistência de jornalistas esportivas brasileiras

Lídia Ramires

E pras feministas, ração na tigela: discursos à deriva

Marcelo Nicomedes dos Reis Silva Filho e Márcia Vorpagel Serschon

Sintaxe, silêncio e sexualidade: efeitos de sentido do dizer "Sai (▲) Hétero" em rede

Patrícia Aparecida Camargo de Paula

O papel da dramaturgia da Rede Globo na perpetuação e legitimação da LGBTfobia na cultura brasileira

Pedro Henrique Carvalho de Arruda

O Discurso do Protagonismo Negro na Universidade Pública: Um racismo que Persiste e Resiste

Rosane Correia da Silva